topo ivonete 202009

Publicidade
×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 376

Mostrando itens por marcador: Brasil

Quarta, 18 Novembro 2020 16:23

Novo tratamento para refluxo chega ao Brasil

A Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou um novo tratamento para a doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) para os brasileiros.Minimamente invasivo, o tratamento é feito por meio do dispositivo médico Esophyx, uma tecnologia desenvolvida pela empresa americana  Endogastric Solutions e que desde 2007 já tratou mais de 22 mil pacientes nos Estados Unidos e na Europa. A doença que atinge de forma crônica cerca de 30% da população adulta do Brasil, segundo dados da Federação Brasileira de Gastroenterologia.

O dispositivo Esophyx é implantado no paciente por meio de uma cirurgia endoscópica que é minimamente invasiva. O tratamento é voltado especialmente para os cerca de 40% dos pacientes com DRGE crônica e que não conseguem resolver o problema somente com medicamento. No Brasil, a novidade será distribuída com exclusividade pela empresa goiana Top Med. Saiba mais em centroderefluxobr.com.

Publicado em Ivonete Eich

Com o intuito de conhecer novas cidades, novas pessoas e culturas, um grupo de mais de 50 pilotos de motorhome (motorhome, treilles e motos) de todas as regiões do Brasil, e até Argentina se reunirão entre os dias 02 a 07 de junho, na Praia da Graciosa. O encontro tem o apoio da Prefeitura de Palmas, por meio da Agência Municipal de Turismo (Agtur).

Publicado em Ivonete Eich

Depois de um dia de reuniões de associações funcionais vinculadas às assembleias do Brasil, a 22ª Conferência da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale) foi oficialmente aberta na noite desta quarta-feira, 9, em Gramado, Rio Grande do Sul. A presidente da Assembleia do Tocantins, deputada Luana Ribeiro (PSDB), compôs a mesa de honra e representou, na ocasião, o Colégio de Presidentes das Assembleias do Brasil.

Publicado em Ivonete Eich

O ponta pé inicial foi dado na noite dessa terça-feira (23/05) com a realização, no Centro de Educação e Tecnologia (CETEC) do SENAI em Palmas, do Workshop de Prospecção – Setor de Alimentos, ministrado pela consultora Miriam Holanda. Na primeira etapa realizada no estado foram atendidas empresas do setor do vestuário.
O objetivo do workshop foi apresentar aos empresários o programa e os resultados obtidos com ele até o momento, bem como os resultados esperados para o setor de alimentos. “Já temos 15 empresas participando, e temos visto que os resultados são consistentes e que é possível alcançar uma produtividade relevante, que tenha destaque dentro dos Arranjos Produtivos Locais (APLs)”, afirma Holanda.
A consultora, que vê o Brasil Mais Produtivo como uma grande oportunidade, principalmente nesse momento de crise econômica, conta que os empresários tocantinenses são bem-intencionados e têm investido dinheiro e vida no estabelecimento de suas empresas, mas que são altamente intuitivos. “Geralmente o empresário tem seu olhar voltado para o produto final, e o nosso olhar dentro do programa é para o processo produtivo, visando tirar de dentro dele (processo produtivo) tudo que é desperdício causado pelo processo de produção nas áreas do vestuário, e agora de alimentos”, explica.
Para a consultora, diante do cenário econômico atual, o programa Brasil Mais Produtivo é considerado estratégico por trabalhar todos os desperdícios encontrados dentro dos processos produtivos, baixando o custo de produção, elevando a qualidade dos produtos e aumentando a competitividade da indústria dentro de seu APL. “Ele tem um impacto em cadeia, diminui os custos, melhora os produtos e impacta a economia local. Portanto, é estratégico nesse momento o olhar do empresário sobre essa oportunidade”, avalia.
Ellen Cristina Siqueira, proprietária da empresa Bolos do Cerrado, com três lojas em Palmas, destaca que as mudanças no mercado, e a necessidade de buscar novas oportunidades de crescimento, foi o que motivou sua participação. “Em tempos de crise precisamos buscar melhorias e inovações para nossas empresas para continuar se mantendo no mercado. Por isso, estamos aproveitando a oportunidade. Já conheço o programa, os resultados são muito positivos”, afirma a empresária.

Parceiros do programa:
MDIC – Coordena todas as ações e preside os Comitês de Governança do programa.
SENAI – Apoia financeiramente e executa as consultorias técnicas. A metodologia aplicada foi desenvolvida pela própria instituição.
Apex-Brasil – Apoia financeiramente e auxilia na seleção das empresas a partir da análise com base nos critérios estabelecidos e identificando aquelas que têm potencial exportador.
ABDI – Apoia financeiramente e auxilia na seleção das empresas a partir da análise com base nos critérios estabelecidos.
BNDES – As empresas podem pagar a contrapartida do programa utilizando o Cartão BNDES. Além disso, podem solicitar recursos do BNDES MPME Inovadora, voltados para investimentos em inovação.
SEBRAE – Atua complementarmente, disponibilizando consultores do SebraeTec para atendimentos de soluções tecnológicas, depois que a empresa já tiver sido atendida pelo Brasil Mais Produtivo.

Por Júnior Veras
Foto: Júnior Veras

As centrais sindicais convocaram uma greve geral para esta sexta-feira, 28. Trata-se de um movimento de quem quer manter privilégios e não direitos, de quem desconhece [ou finge desconhecer] as contas públicas, de sindicatos que não querem o mercado brasileiro no século 21 e que nunca levantaram a voz contra a incompetência e a corrupção que imperaram neste país nos últimos anos.

Publicado em Cleber Toledo
Publicidade

Colunistas

Acesso Restrito

Contato

© Todos os direitos reservados. Ivonete Eich / Coluna VIP Tocantins | 2013-2017.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27