topocolunavip

Publicidade

Em homenagem ao Dia das Mães, comemorado no último domingo, 10 e ao Dia do Enfermeiro, celebrado em todo dia 12 de maio, a Banda de Música da Polícia Militar realizou duas apresentações no sábado, 09, nos estacionamentos do Hospital Geral de Palmas (HGP) e do Hospital e Maternidade Dona Regina Siqueira Campos (HMDR). A live da apresentação foi transmitida em rede social do 1º Batalhão da Polícia Militar, para evitar aglomerações devido o novo coronavírus. O público alvo foi orientado assistir pelo aparelho celular.

Com canções populares como “Mãe, um pedaço de céu”, de Leonardo Sullivan, “No dia em que eu saí de casa”, de Zezé Di Camargo e Luciano, “Fogão de lenha” de Chitãozinho e Xororó, “Como é grande meu amor por você”,  de Roberto Carlos” os músicos levaram um pouco de emoção aos pacientes, acompanhantes e servidores.

“Ações como esta demonstram e traduzem a singela homenagem da PMTO, através do 1º Batalhão da Polícia Militar (BPM) e da Banda de Música, ao dia das mães e ao dia dos enfermeiros que nesse momento de crise sanitária e isolamento social estão em sua maioria impedidas de confraternizar com suas famílias. A ideia não é apenas garantir a segurança do cidadão mas também fomentar a valorização desses profissionais que assim como os militares, estão na linha de frente no combate ao Covid-19", destacou o Tenente Coronel de Souza, comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar.

 “É muito importante para a Polícia Militar participar de um momento em que as pessoas tem que estar longe mas querem estar perto e a música tem o poder de aproximar quem precisa de um afago, não só as que estão doentes, mas também quem está lá trabalhando para garantir a saúde de outras pessoas”, pontuou o maestro da banda, capitão Teixeira.

Por causa da pandemia, a Banda da Polícia Militar se apresentou com um número de músicos reduzido, buscando manter uma distância e todos os cuidados necessários recomendados pelos profissionais da saúde.

Emoção e agradecimento

"Só temos agradecimentos aos músicos, por levarem alegria e reconhecimento às mães e a nossos profissionais enfermeiros que são comprometidos e dedicados no cuidado ao paciente", declarou o diretor geral do HGP, Leonardo Toledo.

Para a diretora geral do HMDR, Débora Petry "As pessoas ficaram extremamente emocionadas. Músicas conhecidas que nos trouxeram sentimentos bons, em um momento crítico que estamos vivendo. Com o isolamento social, temos muitas mães afastadas de seus filhos, outros filhos afastados de suas mães. Nossas equipes necessitam dar assistência aos pacientes e não podem ficar em casa se protegendo. Na unidade as puérperas não estão podendo ficar com acompanhante devido ao risco da transmissão do vírus, então se sentem sozinhas num dia especial como o Dia das Mães. A música tem o poder de elevar o espírito e trazer lembranças boas. só temos que agradecer!", disse.

Para a enfermeira do HMDR, Janayna Pires,"foi maravilhosa a apresentação, uma descontração neste momento tão delicado de pandenia. As mães assistiram das janelas e juntamente com servidores aplaudiram. Uma canção que me marcou foi a de Roberto Carlos. Uma apresentação  incrível!", afirmou.

A live da banda aconteceu nos estacionamentos do HGP e do Hospital e Maternidade Dona Regina Siqueira Campos e foi transmitida na web

Luciana Barros e Andressa Santos/Governo do Tocantins

 Ascom/PM

Foto 01: A Banda de Música da Polícia Militar levou alegria e emoção ao HGP e Hospital Dona Regina

Publicado em Ivonete Eich

Na semana em que se comemora o dia das mães, a Polícia Militar homenageia as mulheres de farda que se dedicam com destreza às duas missões: Maternidade e carreira militar. Ao longo da semana, iremos contar histórias de dedicação, superação e bravura que fazem dessas mães guerreiras, destaque na corporação.

Deuramar Leite/Governo do Tocantins

Com força e bravura a major Allana Lopes Sousa Silva de 40 anos é a primeira mulher a assumir o subcomando do 9º Batalhão (9º BPM) com sede em Araguatins, no Bico do Papagaio, norte do Estado. A oficial assumiu o subcomando da Unidade no dia 1º de julho de 2019. Esposa de militar e mãe de dois filhos, major Allana está a serviço da Polícia Militar há 16 anos e conta sobre o desafio que é conciliar a vida de uma mãe e policial militar principalmente por estar à frente de uma função operacional de tamanha relevância da Unidade: “Seja policial militar, civil, secretária, diarista, vendedora, balconista, doutora, em qualquer trabalho que a mulher exerça é preciso se desdobrar em sua função para também ser mãe”.

Major Allana, destacou: “Como policial militar e exercendo uma função de comando na Polícia Militar tenho que reconhecer ser necessário manter a serenidade, o amor e o carinho de mãe. Tenho dois filhos que me dão a alegria e renovam as energias todos os dias com suas histórias contagiantes e fantasiosas, até surreais.”

O serviço policial é exaustivo e exige muita atenção e cuidado. Para uma mãe ainda tem uma segunda jornada a ser desenvolvida em casa e sem horário de término, mas a subcomandante conta com o esposo para partilhar a educação dos filhos: “Divido minha missão de educar os filhos com meu esposo que também é policial militar e juntos percebemos que aproveitar cada detalhe dos filhos com alegria é revigorante.”

Na casa da militar, a rotina diária inicia logo cedo para deixar os filhos prontos para a escola. De acordo com Allana, as crianças já acordam com disposição total, contando os sonhos que tiveram à noite. E quando chegam da escola tem assunto em dobro para contar como foi seu dia, haja fôlego. “Não posso perder o tempo que tenho para aproveitar esses momentos com meus filhos. O tempo passa rápido e logo estarão na faculdade. Tenho que aproveitá-los em cada minuto. É gratificante ter uma família. Os filhos são bênçãos na vida de uma mãe”. 

E finalizou: “Sempre me dediquei a meu trabalho, amo o que faço, sou policial militar por amor. E tenho a honra de ser mãe, me dedico com muito amor e carinho na missão de conduzir meus filhos no caminho do bem, ensinando o bom caráter e valores como respeito ao Deus que servimos, à família e à todas as pessoas”. 

Crédito das fotos: Ascom 9º BPM

 

Legenda das fotos

Foto 01 – A educação dos filhos do casal de militares é partilhada pelos dois

Foto 02 – Esposa e mãe, Major Allana desempenha função de destaque na PM

Foto 03 – Major Allana em momento de descontração com os filhos

Foto 04 – Major Allana é a primeira mulher a assumir o subcomando do 9º BPM e conta com o apoio do marido.

Foto 05 - Major Allana está a serviço da Polícia Militar há 16 anos    

 

Publicado em Destaques
Publicidade

Colunistas

Acesso Restrito

Contato

© Todos os direitos reservados. Ivonete Eich / Coluna VIP Tocantins | 2013-2017.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27