topocolunavip

Publicidade

Depois de um dia movimentado com a chegada dos atletas, o primeiro dia oficial dos Jogos Escolares da Juventude começou movimentado, com a estreia, nesta quinta-feira, 12, das quatro modalidades da competição: futsal, vôlei, basquete e handebol, masculino e feminino em duas faixas etárias, de 12 a 14 e 15 a 17 anos.

Logo cedo foi dada a largada e 25 partidas abriram a competição em diversos pontos da cidade. Na Escola de Tempo Integral (ETI) Almirante Tamandaré os times femininos de futsal do estado do Amapá (AP) e do Distrito Federal (DF) deram início aos jogos que garantem vaga na grande final que acontece em Blumenau (SC), em novembro.

Na ETI Padre Josimo Morais Tavares os times de handebol feminino de Roraima (RR) e Pará (PA) iniciaram as partidas seguidos das equipes de Rondônia (RO) e Mato Grosso (MT). Nas quadras do Colégio Marista foi a vez das meninas do vôlei do Distrito Federal e do Amapá pegarem na bola e lutar pelo título.

O técnico da equipe de futsal feminino do Amapá, Fabrício Lima, disse que depois de ter ganhado as fases municipais e estaduais chegam com toda força para lutar pelo título regional e chegar forte no Sul do país, na etapa nacional, e ser campeão. “É uma satisfação estar participando aqui em Palmas, uma situação nova paras as meninas que vivem essa experiência pela primeira vez, por isso esperamos sair com o melhor resultado daqui”, disse parabenizando o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) pela organização do evento. “Gostaria ainda de parabenizar a prefeitura da cidade que está dispondo os ambientes dos jogos com uma qualidade absurda. Essas escolas municipais são bem melhores que as outras do Brasil”.

O técnico da equipe de futsal feminino do Pará, Jhones Oliveira, aguardava para entrar em quadra com sua equipe contra as meninas do estado do Amazonas, também falou sobre as expectativas da equipe e da qualidade das estruturas escolares da Capital. “Nossa equipe vem fazendo um trabalho forte, espero que todas as meninas entrem bem física e psicologicamente”, disse, ressaltando a qualidade da escola que recebe as meninas. “O meu estado é grande, mas não possui estrutura como esta, que supera todas as escolas públicas e muitas particulares”, finalizou.

A atleta do Amazonas Camila Dutra, 16 anos, disse que foram longas horas de viagem e chega com vontade de vencer, e para isso toda a equipe está focada. “Foram 18 horas de viagem, mas estamos focadas e confiantes que vamos alcançar a vitória”.

O gerente de Esportes de Base do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e coordenador Geral dos Jogos Escolares da Juventude, André Mattos, declarou que o objetivo do COB é levar cada vez mais os jogos para lugares diferentes. “Nossa expectativa está sendo super atendida, com a Prefeitura absorvendo as questões que são locais, com as estruturas funcionando bem, tudo no horário. Estamos muito satisfeitos”.
Deni Rocha
Foto Edu Fortes

Publicado em Talita Brunes

Dia 19 de agosto é celebrado o Dia Nacional do Ciclista desde 2018, data em que foi sancionada a Lei que homenageia o biólogo Pedro Davison, que morreu atropelado em 2006, em Brasília, aos 25 anos de idade. A data foi instituída também como forma de promover a educação e paz no trânsito, e incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte por todo o País.

O esporte lembrado nesta segunda, 19, é destacado pelos especialistas por oferecer, dentre os principais benefícios, para o corpo e para a mente por fortalecer a musculatura, auxiliar na saúde do coração, reduzir o estresse, melhorar a respiração e ajudar no equilíbrio.

Segundo dados da Fundação Municipal do Esporte e Lazer (Fundesportes), atualmente o ciclismo é um dos esportes que mais cresce no Brasil e em Palmas, atraindo ciclistas em diversas modalidades e estilos, incluindo atletas profissionais e amadores. As modalidades mais conhecidas são Ciclismo de Estrada, Mountain Bike que se divide em 4 estilos, e Bicicross divididos nos estilos corridas e manobras.

Mesmo sendo um esporte de alta performance, o ciclismo cresce mundialmente devido sua versatilidade, já que essa atividade é indicada para todo tipo de pessoa que tenha condições físicas e motoras para pedalar.

O presidente interino da Fundesportes, Marcelo Walace, ressalta que deixar o sedentarismo de lado pode ser um desafio para quem não está acostumado a se exercitar, no entanto, a partir do momento em que o corpo se acostuma com a atividade física, ela se torna um prazer e uma necessidade.

“Com o ciclismo não é diferente e os benefícios desse esporte vão muito além da perda de peso e do ganho de condicionamento físico, já que o exercício também auxilia em diversos fatores que mantém o corpo saudável, como por exemplo, redução dos índices de colesterol, melhora da respiração e da saúde do coração, entre outros”, disse, concluindo que o ciclista deve estar paramentado, ou seja, com capacete, sapatilha, protetor de joelho e cotovelo, roupas apropriadas e luzes de segurança, além de obedecer às regras.

APCC

Em Palmas, recentemente a Prefeitura Municipal entregou aos atletas a Área de Proteção ao Ciclismo de Competição Pedro Caldas (APCC).

O local funciona todas as terças e quintas-feiras, das 5h às 8h, atendendo a uma reivindicação antiga das federações de ciclismo que pediam um local de treinamento para alto rendimento.

Dia do Ciclista

Segundo o Portal do Senado Federal, a data entrou no calendário oficial do país em 2018 e sua aprovação teve por objetivo estimular o uso da bicicleta, a cidadania e a mobilidade sustentável e plural, além de criar novas oportunidades para promover a educação para a paz no trânsito.

Deni Rocha

Foto Aline Batista

Publicado em Destaques

Equipe feminina de canoagem de Palmas participa, pela primeira vez, de Campeonato Brasileiro de Canoagem em Brasília, de 30 de agosto a 1º de setembro, com três atletas da Escola de Tempo Integral Almirante Tamadaré, com parceria da Prefeitura de Palmas e a Marinha do Brasil.

A equipe é formada pelas alunas Jennyffer Rayelle, 14 anos, Geovana Letícia, 13 anos e Bruna Souza 12 anos, que participam nas categorias Cadete, Menor e Infantil, respectivamente, todas sob a orientação técnica do professor Raul Tamayo.

Publicado em Talita Brunes

A fisioterapeuta Talita Brunes foi palestrante do I Simpósio de Fisioterapia Traumato - Ortopédica e desportiva da Faculdade IESC / FAG que aconteceu em Guaraí. "Fico muito feliz em falar sobre o que eu amo e vivo diariamente. A Fisioterapia Esportiva é minha paixão. Espero ter passado em minhas palavras um pouquinho do meu amor aos alunos" disse a profissional para o Coluna VIP Tocantins.

Publicado em Destaques
Quinta, 28 Março 2019 09:26

Tríade da Mulher Atleta...sintomas

Dr. André Luiz Pereira, médico ortopedista, em encontro promovido para as mulheres neste mes de março na Clínica Ortopédica do Tocantins, falou sobre a Tríade da Mulher Atleta,  síndrome que acomete mulheres que praticam tanto exercícios físicos quanto atividades recreacionais. A baixa disponibilidade energética é o componente chave para a síndrome repercutir os três sintomas, sendo os distúrbios alimentares , amenorreia e até osteoporose.  A alteração no padrão alimentar pode começar apenas com hábitos de restrição calórica abusiva visando reduzir o peso, para melhora do desempenho ou até mesmo para atingir uma aparência esbelta, podendo chegar até  a casos de anorexia nervosa e bulimia.LEIA  MAIS:
Publicado em Destaques
Terça, 26 Março 2019 14:11

VOCÊ SABE O QUE É RECOREVY?

O Termo Recovey / Recuperação é bastante utilizado ao redor do mundo para designar o trabalho realizado por profissionais da área da saúde para recuperar seus atletas de uma atividade física extenuante com o objetivo de reestabelecer suas capacidades fisiológicas e funcionais, e proporcionar sua plenitude na próxima execução, mantendo seu rendimento e diminuindo o risco de lesão. Existem algumas técnicas de “recovery” que aceleram o processo de recuperação do tecido muscular auxiliando no processo natural e ajudando a eliminação de toxinas provenientes dos exercícios.

No entanto, existem critérios para que essas técnicas sejam empregadas ou não. Após uma avaliação detalhada o FISIOTERAPEUTA ESPORTIVO irá propor a melhor maneira de proporcionar qualidade para seu paciente.

Procure um profissional qualificado. O Espaço Talita Brunes conta com profissionais qualificados para cuidar de você. Estamos localizados na Cot – clinica ortopédica do Tocantins. Contatos: 63 98182900  - Watts - 984527075

 

o Espaço Talita Brunes esteve presente na 1 Meia de Palmas 5km 10 km e 21 km, com a realização de massagem esportiva e orientação especificas aos atletas das diferentes categorias.

Publicado em Destaques
Quinta, 31 Janeiro 2019 08:46

Massagem ou (Fisio)terapia manual ?

Apesar de ambas serem feitas com as mãos, existem algumas diferenças sim, eu vou explicar para vocês. A massagem é um conjunto de movimentos feitos com as mãos, aplicados aos tecidos sadios do corpo de forma rítmica que podem ser suaves ou fortes. 

Envolvem manobras de deslizamentos, amassamento, vibração, digitopressão, fricção entre outros, são aplicadas em ritmos constantes sem que seja necessário observar uma resposta do organismo e utiliza-se veículos para facilitar as manobras como cremes e óleos.  É indicada para relaxamento, drenagem de líquidos, entre outros. É contraindicado em feridas e em vários casos onde pode gerar dano como, por exemplo, durante a cicatrização.

A Fisioterapia manual que é um dos meus métodos de trabalho, vem do termo fisioterapia manual ortopédica, que é uma área especializada da fisioterapia  voltada para o tratamento de condições neuro-musculoesqueléticas, que não se restringe a aplicar técnicas, utiliza-se raciocínio clínico, diversas modalidades que afetam os músculos, articulações fáscias (tecidos conjuntivos) e nervos e ainda exercícios terapêuticos.

Outra grande diferença entre elas é que antes de mais nada , a fisioterapia manual preconiza que seja realizada uma AVALIAÇÃO criteriosa do paciente  para que se identifique o acometimento e a necessidade do mesmo. A Fisioterapia Manual ortopédica também abrange e é guiada pelas evidências cientificas e clinicas disponíveis e pelos aspectos biopsicossociais de cada pacientes.

É lógico que a Massagem faz muito bem quando aplicada, mas é muito diferente de Fisioterapia manual.  Um fisioterapeuta tem formação para aplicar massagens, porém, ele tem outros recursos mais efetivos para utilizar. Um massoterapeuta ou esteticista não tem formação em Fisioterapia Manual. 

É muito importante esclarecer, pois os pacientes que buscam a fisioterapia manual devem busca-la exclusivamente com fisioterapeutas.

Publicado em Destaques
Segunda, 17 Dezembro 2018 13:14

É normal sentir dor depois do treinamento?

Hoje início minha participação na coluna VIP Tocantins, respondendo uma pergunta que recebo diariamente no consultório. É normal sentir dor depois do treinamento? Sim é normal, se você começou a praticar qualquer modalidade de esporte recentemente ou sua carga de treino foi aumentada, pode ter sim um quadro de dor muscular tardia, conhecida na fisioterapia esportiva como a DMIT (Dor Muscular de Início Tardio), ela surge em até 8 horas após a execução dos exercícios e faz sim você acordar quebrado, apresenta picos de 24 a 72 horas depois da atividade e pode durar até uma semana.

Diversos movimentos podem causar a dor muscular tardia, mas ela é comum nas contrações do tipo excêntricas, quando o músculo se contrai e se alonga, como nas panturrilhas durante a prática da corrida, isso acontece porque há microrrupturas de fibras musculares e liberação de enzimas.

Para de recuperar, além do respeito aos intervalos de treinos, boa alimentação e bom sono são importantes, as técnicas de Recovery como Massagem, Acupuntura, Crioterapia entre outros podem te ajudar muito nesse processo.

A profissão  FISIOTERAPIA busca maximizar a função, minimizando as incapacidades para todas as pessoas de Todas as idades. Nesse contexto o MOVIMENTO é a chave para uma vida com qualidade, mobilidade e flexibilidade.

Antes de começar ou recomeçar a fazer atividade física, procure um fisioterapeuta especialista em orto-traumatologia ou fisioterapia esportiva. A individualidade de cada exercício é fundamental para a qualidade do mesmo, melhor desempenho e prevenção de lesões.

 Dicas de Prevenção da DMIT :

– Respeite seus limites!

- Procure um educador físico para acompanhar os treinos

- Respeite os períodos de descanso e recupera-se!

- Alimenta-se bem!

-Hidrata-se bem!

-Conte com o apoio de um Fisioterapeuta Esportivo para prevenir lesões.

O Espaço Talita Brunes - Reabilitando Vencedores, localizado na Clínica Ortopédica do Tocantins COT conta com profissionais especializados e prontos para atender você.

Contato :  ( 63) 32146685 e (63) 984527075 whatsApp

Publicado em Destaques
Publicidade

Colunistas

Acesso Restrito

Contato

© Todos os direitos reservados. Ivonete Eich / Coluna VIP Tocantins | 2013-2017.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27